quinta-feira, 5 de janeiro de 2012

Violência vista nos olhos.

O assunto que me deixou triste hoje foi a violência sofrida pela idosa Lyriasiria dos Santos, de 79 anos espancada na última semana por um homem que supostamente cobrava uma dívida do neto.
Infelizmente ela perdeu a visão do olho esquerdo para sempre e, lendo a reportagem do jornal, reparei nos olhos dessa senhora numa foto tirada antes mesmo de ser agredida fisicamente. Sabem o que eu vi nos olhos dela? Tristeza! E de olhos e olhares eu entendo.

Há quase dois anos atrás passei por uma cirurgia para correção de miopia que não foi tão bem sucedida. Enfrentei mais um ano de idas e vindas à diversos médicos até que, em setembro do ano passado me submeti a segunda correção e até hoje me recupero dela, mas graças a Deus tudo deu certo dessa vez.

Fico imaginando a dor e a angústia que esta idosa deve estar passando por não poder enxergar novamente, mas o que me dói mesmo é ver que ela já tinha um olhar de dor antes mesmo da agressão covarde que sofreu. Não tenho mais avós vivos, tenho somente uma avó de consideração que não vejo há anos, e penso sempre em como meus pais ficarão daqui a alguns anos.

Não suporto a idéia de deixá-los andando sozinhos na rua, tristes aos cantos, me dói o coração só de pensar na possibilidade de serem agredidos verbalmente, imagine fisicamente! Não sei até que ponto o ser humano pode chegar para ter o que quer. Essa ambição desenfreada pelo dinheiro e pelo poder é o maior mal do mundo e já está mais do que na hora de agirmos de alguma forma.

Tenho pena e sou solidária a tristeza que vi no olhar dessa idosa. Vejo esse olhar muitas vezes quando meus pais estão aborrecidos com algo ou com alguém, esse olhar é de mágoa e decepção, imaginem então há quanto tempo esta idosa estava sendo agredida pela vida? Pena que só agora, e nessas circunstâncias, alguém a notou!

Nenhum comentário:

Postar um comentário